Início » Arquivos » Celular » Samsung deixa de inflar resultados de benchmarks com atualização para o KitKat

Samsung deixa de inflar resultados de benchmarks com atualização para o KitKat

Paulo Higa Por

Como especificações de hardware não dizem muita coisa, uma das formas de comparar o desempenho entre smartphones era por meio de benchmarks. A Samsung e outras fabricantes, porém, foram acusadas de inflar os resultados através de modificações que identificavam quando um aplicativo de benchmark estava rodando e aumentava a frequência dos processadores a um nível que não era atingido em outras condições. Com a atualização para o KitKat, a Samsung parece ter abandonado essa prática.

Quem notou a mudança foi o Ars Technica, após comparar pontuações com um Galaxy S4 e um Galaxy Note 3 antes e depois da atualização para o Android 4.4.2, que já foi liberada em alguns países. Antes, bastava abrir um dos aplicativos de benchmark reconhecidos pela Samsung para que todos os núcleos do processador fossem elevados até a frequência máxima. Agora, o chip se comporta normalmente, como em qualquer outro aplicativo.

Clock máximo só para exibir uma tela de termos de uso

Clock máximo só para exibir uma tela de termos de uso

No caso do Galaxy Note 3, os quatro núcleos do processador do Snapdragon 800 eram elevados a 2,3 GHz, mesmo que o aplicativo de benchmark não estivesse fazendo nenhum teste. Esse clock geralmente não era atingido mesmo rodando aplicativos mais pesados, portanto, não havia como atingir tal desempenho em condições normais e isso fazia parecer que aparelhos que não usam do mesmo artifício, como os Nexus, eram mais lentos.

Os aplicativos detectados pelo código da Samsung incluíam o Geekbench, AnTuTu, Vellamo, Basemark X, AndEBench e 3DMark. Havia até mesmo um código que fazia o navegador da Samsung e o Google Chrome detectarem o SunSpider e o BrowserMark para aumentar a frequência do processador.

Com o Android 4.4.2, o clock está se comportando de uma forma mais normal: a frequência é elevada naturalmente durante a abertura do aplicativo de benchmark para que ele carregue as informações, e também quando testes pesados estão sendo feitos. Depois, quando o processador fica ocioso, o clock diminui para o mínimo, algo em torno de 300 MHz.

De acordo com o Ars Technica, após a atualização para o Android 4.4.2, as pontuações dos benchmarks diminuíram significativamente em relação ao Android 4.3. Os números ainda estão maiores que no Android 4.2.2, mas o mais provável é que a Samsung (e o próprio Google) tenha feito otimizações no sistema que realmente melhoraram o desempenho em condições reais de uso.

Atualização para o KitKat

Em fevereiro, a Samsung divulgou oficialmente a lista dos aparelhos que receberão atualização para o KitKat nos Estados Unidos:

  • Galaxy Note 3
  • Galaxy Note II
  • Galaxy S4
  • Galaxy S4 mini
  • Galaxy S4 Active
  • Galaxy S4 Zoom
  • Galaxy S III
  • Galaxy S III mini
  • Galaxy Mega
  • Galaxy Light
  • Galaxy Note 8.0
  • Galaxy Tab 3
  • Galaxy Note 10.1
  • Galaxy Note 10.1 2014 Edition

Em resposta ao Tecnoblog, no entanto, a Samsung afirmou na época que, como existem diferenças de modelos entre os dois mercados, ainda não há uma lista confirmada dos aparelhos que serão atualizados no Brasil, nem as datas em que elas serão liberadas.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Rafael Roland
Apelando pra tentar chamar atenção como "tão bom quanto o iPhone"
sousaesilva.rafael
Enfim, continua sendo um Crapsung...
Alex Dos Santos Faria
Comprei por aqui mesmo. Ontem eu conectei no Kies e ele atualizou...
Bruno Silva
Tomou vergonha na cara...
AdrianobrazL
O galaxy Tab 2 de 7 pol nao vai mais ser atualizado?
Nilberto Melo
Importou ou comprou aqui? Queria que atualizassem logo o meu :
Gildonei
Samsung piada... o GranDuos no Brasil ainda nem saiu do 4.1.2
Alex Dos Santos Faria
Meu S4 atualizou hoje o/