Mudar nomes de produtos parece ser mesmo uma tradição da Microsoft. Depois de o SkyDrive virar OneDrive, chegou a vez do Office Web Apps, a versão na nuvem do pacote de escritório da empresa, virar Office Online. Alguns rumores recentes já davam conta de que isso iria acontecer. Ficou bem melhor, não?

Com a mudança, todas as ferramentas de produtividade do serviço agora ostentam o “sobrenome” Online, como Word Online e Excel Online. O endereço de acesso passou a ser oficialmente Office.com.

Office Online

Ao contrário do OneDrive, desta vez, a mudança não tem nenhuma relação com processos judiciais envolvendo marcas. A própria Microsoft reconhece que a denominação anterior não era adequada: “ouvimos de clientes que o uso de ‘Apps’ no nome causava confusão – é algo que eu preciso instalar?”

Mas este, provavelmente, não é o único motivo. No que se refere a ferramentas de produtividade online, o Google Drive continua sendo a principal referência. Como o Office Online é um nome fácil de assimilar e remete ao principal produto da Microsoft depois do Windows, a companhia terá melhores condições de disputar mercado com o pessoal de Mountain View.

Esta estratégia tem um reforço: a integração com o Outlook.com e com o OneDrive já existia, mas os novos recursos deste último (espaço adicional na indicação de novos usuários, por exemplo) poderá atrair mais gente e, indiretamente, divulgar o Office Online.

Mas, em termos de funcionalidades, praticamente não houve alterações, exceto o acréscimo de centenas de modelos de documentos para Word, Excel e PowerPoint e de um barra no topo para acesso rápido a todas as ferramentas do serviço.

Templates para o Excel Online

Ah, o preço também não mudou: o Office Online continua gratuito.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Diogo Paiva
Fizeram as coisas nas pressas... Testei agora, e quando eu tento abrir um arquivo que está no meu one drive através do powerpoint online, ele remete ao endereço ainda do skydrive (skydrive.live.com). Se mudar o início para onedrive na barra de endereços aí pega. Já dentro do onedrive, quando vai nas opções de abrir uma delas é o Excel web apps. São detalhes, mas que deveriam ser observados por uma empresa como a Microsoft.
Manoel Antônio
Se tem um produto da MS ótimo e quem vale cada centavo gasto, esse é o Office. Por anos ele tem sido bom, e isso é unanimidade. Eu mesmo amo o Office. Agora depois da integração com ou Outlook e Onedrive, ficou ainda melhor. Não que os outros produtos da MS seja desprezíveis. Mas o Office é como vinho, quanto mais velho, melhor fica. Disparado a melhor suíte de produtividade do mercado. Confesso, desde o Office 2010 eu pago por ele, e pago com gosto. Aliás, no mais recente, não se paga, se assina: Office 365. Antes que os hateres me ataquem, eu digo, já tentei usar o OpenOffice, mas não me acostumo. É feio. Tem uma interface horrível do programa antigo.