Na tarde de ontem, a Lenovo levou jornalistas para sua fábrica em Itu, interior de SP, para apresentar as instalações para a imprensa pela primeira vez e anunciar novos produto que estão sendo fabricados aqui: servidores e workstations, os primeiros em parceria com a EMC.

A Lenovo e a EMC iniciaram uma joint venture em 2012 para expandir o portfólio e o alcance das duas. A EMC, especializada em soluções de armazenamento e servidores, já está no Brasil há cerca de 10 anos, mas na área de software, que é desenvolvido em Campinas.

Os servidores que serão fabricados aqui são de três modelos: TS140, RD540 e RD640. O primeiro é em torre e é o único indicado para escritórios pequenos. Ele tem processador Intel Xeon E3-1200 v3 Series, até 32 GB de RAM com ECC e armazenamento máximo de 16 TB SATA.

Os outros dois oferecem alta performance e são indicados para empresas maiores e que trabalhem com muito tráfego: o RD540 tem processador Xeon E5-2600 V2 Series, até 320 GB de RAM e armazenamento em HDD que pode ser dividido em quatro de 3,5″ ou oito de 2,5″. O RD640 tem configurações semelhantes, mas o dobro de espaço para armazenamento (oito HDD de 3,5″ ou 16 de 2,5″).

server lenovo

Da linha TinkServer, RD540 (acima) e RD640

Já nas workstations, há a E32, a S30 e a D30. Também voltadas para business, elas têm poder de processamento para atender diversos mercados, desde design e entretenimento a educação, saúde e até óleo e gás – 600 unidades dos dois últimos modelos estão em operação na Petrobrás.

A E32 é um modelo de entrada e tem configuração mais tímida que as outras: processador Intel Xeon E3-1225 quad-core de 3,2 GHz, 4 GB de RAM com ECC e GPU Nvidia K600. Custa a partir de R$ 4.500.

O modelo intermediário é o S30, que pode ter processadores Xeon das famílias E5-1600 e E5-2600 de até oito núcleos, até 256 GB de RAM com ECC e GPU Nvidia K500 de 4 GB. O preço começa em R$ 7.600.

Por fim, a D30 é a mais avançada, custando a partir de R$ 8.000. Ela tem suporte a dois processadores Xeon da linha E5-2600, 512 GB de RAM com ECC e até duas GPUs K600, com até 12 GB em cada.

ThinkStation E32 e ThinkServer

ThinkStation E32 e ThinkServer TS140

Tanto as workstations quanto os servidores estão sendo fabricados só em Itu e chegam ao mercado em março. A fábrica dessa cidade trabalhava, até agora, só com notebooks e tablets; o resto do portfolio da Lenovo é fabricado apenas na fábrica de Manaus.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

portela.thiago
"Por fim, a D30 é a mais avançada, custando a partir de R$ 8.000. Ela tem suporte a dois processadores Xeon da linha E5-2600, 512 GB de RAM com ECC e até duas GPUs K600, com até 12 GB em cada" mac pro começa em R$13.000,00... vc pagando R$5mil a mais só pelo design
Jacques Braga Szmelcynger Júnior
Tenho um com 10% disso dai, 32gb, um pequeno xeon E3-1245v2 no qual uso para codificação de videos com o x264.
RamonGonz
otima noticia!! espero que tenha muito mercado pra consumir isso e a empresa continue gerando muitos empregos.
Marcelo Madeira
Gosto muito da Lenovo, quero ver os Smartphones chegarem aqui no Brasil.
Abraão Caldas
Queria ter 320 gb de ram no pc em casa, fazia um ramdisk e rodava tudo da ram. Nem ia ter loading *.*
Christiano Erick
Deve ser massa ter um servidor com 320GB de Memória =x