Ontem, o Snapchat adotou uma verificação de humanos. Se trata de uma série de quadradinhos com desenhos e o fantasma do Snapchat escondido em alguns deles. Para provar que você não é um robô, é necessário selecionar os que têm o “mascote”.

A medida veio depois que os números de telefone de 4,6 milhões de usuários foram vazados por uma falha de segurança, para evitar que outros bots invadam o app e roubem dados novamente. Mas eis que, no mesmo dia que a verificação foi iniciada, um cara conseguiu burlar o sistema de verificação.

snapchat-captcha

É o programador Steven Hickson, que descreveu o feito em seu blog. Ele conta algo que você tenha suspeitado ao ver as imagens: não é tão difícil para um computador reconhecer o fantasma, já que ele tem formas bem características.

Em 30 minutos, ele conseguiu escrever um código que encontra o ícone a partir de sua cor e, então, procura pontos comuns. Se forem encontrados pontos o bastante, a máquina reconhece a figura como o fantasma.

out

É realmente tão simples quanto parece: o código tem menos de 100 linhas e demorou cerca de meia hora para ser criado, testado e aprovado. Ou seja, o Snapchat escolheu um péssimo jeito de garantir que seus usuários são realmente humanos – e, com isso, a segurança dos que são está em risco.

A empresa afirmou que está trabalhando no aumento da segurança do aplicativo, o que indica que novidades nesse sentido estão sendo desenvolvidas, mas não comentou o código escrito por Hickson.

Com informações: Engadget

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Luiz Felipe F. Mai
E assim o Snapchat caminha pra disponibilizar os dados de mais um monte de usuários...
Thales Eduardo Nazatto
Pelo jeito, o pessoal do Snapchat vai descobrir do pior jeito porque captchas são feios, distorcidos, aleatórios e, por vezes, ilegíveis
qgustavor
Me lembra eu quebrando um captcha quando eu era criança, usando o filho rico do The Games Factory. O captcha era tão fácil quanto o do snapchat, claro.
YanGM
Kinect é capaz de diferenciar pessoas com precisão? Vamos criar um sistema que mostra uma figura simples que não muda de forma.
Juan Lourenço
Mas que péssima ideia usar uma imagem padrão, de formato e cor fixa (!)
RamonGonz
putz uma pesquisa rapida sobre o reconhecimento de imagens teria dado a eles a noção de que o sistema é muito falho e ultrapassado. É uma tecnica que existe ha muito tempo e hoje consegue-se reconhecer imagens muito mais complexas. Teste infantil esse que eles implantaram... Espero que melhorem.
Christofer Paz de Oliveira
Hahahaha Tá na cara que é um captcha fácil de quebrar, só o gênio que inventou isso não viu.
Fernando Gravina
Ao invés de melhorar a segurança e a criptografia dos dados, colocam fantasminhas como captcha. Booooa...
Jedielson Almeida
imaginei o Zuckerberg rindo ao ler isso.