Início / Arquivos / Gadgets /

Financie isso: o TEO é um cadeado que você abre e fecha com o seu smartphone

Emerson Alecrim

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

É impressionante como sites de crowdfunding abrem espaço para as ideias mais incomuns. Uma das mais recentes delas é o TEO, um cadeado que pode ser usado para lacrar o seu armário na faculdade ou proteger a sua bicicleta, por exemplo, mas cuja abertura e fechamento é controlado a partir do smartphone.

TEO

Sim, a ideia é fazer com que você só consiga abrir o cadeado se acionar um comando na tela do seu dispositivo móvel. Nada de chaves físicas ou segredos numéricos, portanto. Em essência, tudo o que é necessário fazer é instalar o aplicativo do TEO e habilitar o uso do Bluetooth.

Não entrar em pânico ao perder ou esquecer as chaves em casa é uma das principais vantagens do projeto, mas os seus desenvolvedores apontam outra: por meio do aplicativo do TEO, você poderá compartilhar a “chave” do cadeado com outras pessoas, desde que elas também usem o app, é claro.

O mais interessante é que o compartilhamento pode ser limitado: dá para permitir a abertura do cadeado somente uma vez ou por um determinado intervalo de horas, por exemplo. Pode-se inclusive transmitir a chave pela internet, se você estiver distante geograficamente.

A OckCorp, desenvolvedora da iniciativa, garante que o app fornecerá ainda um histórico de atividades, indicando em um mapa por quanto tempo, quando e quem abriu ou fechou o TEO, por exemplo. Se você estiver controlando mais de um cadeado, o aplicativo poderá exibir relatórios individuais ou integrados.

Como não adianta muito ter um controle eletrônico sofisticado (supondo que o TEO realmente seja assim) se o cadeado não for fisicamente seguro, os desenvolvedores delegaram a fabricação do dispositivo à Heliox Technologies, que já trabalhou com equipamentos resistentes para uso militar.

A pergunta que não quer calar é: o que acontece se o dono perder o smartphone? A OckCorp não forneceu detalhes a respeito, mas explicou que uma nova chave eletrônica poderá ser fornecida a qualquer momento, inutilizando a primeira.

Por que é legal? Porque você pode contar com um cadeado sem se preocupar com chaves ou em decorar a sua senha. Além disso, é possível dar permissão de acesso a outras pessoas, mesmo que remotamente.

Por que é inovador? Porque centraliza o controle de acesso no celular, dispositivo que as pessoas levam para praticamente qualquer lugar. Por enquanto, o app funciona somente no iOS, mas uma versão para Android está a caminho.

Por que é vanguarda? A ideia não é necessariamente nova (o Open-Me, por exemplo, tem uma proposta semelhante com portas de garagem), mas pode servir de precedente para outras iniciativas do tipo, como acesso a quartos de hotéis.

Vale o investimento? Vale, mas para quem tiver mesmo algo importante a proteger. Para ter um TEO, é necessário desembolsar pelo menos 69 dólares canadenses mais 15 dólares de frete. A campanha acontece no Kickstarter até 7 de março deste ano.