A Valve é uma incansável máquina de criar gênios e invenções igualmente geniais. Seguindo essa premissa, Ben Krasnow, um dos engenheiros da empresa, criou uma daquelas gambiarras que você desejaria ter inventado antes.

Em sua conta no Youtube, Krasnow publicou um vídeo em que demonstra seu mais novo experimento, um mouse controlado pela língua do usuário. Nada de idiomas: o periférico é comandado pelos movimentos do órgão de quem utilizá-lo.

A ideia surgiu a partir de um mapeamento dos movimentos da língua, capturados em coordenadas X/Y de um sistema de interface baseado no Windows. A precisão do aparelho, até o momento, é baixa, nada que se compare com o mouse nosso de cada dia – o engenheiro deve isso à interface do sistema operacional.

Olhando de fora, o mouse se parece mais com um aparelho ortodôntico móvel meio clubber, por conta do laser emitido por ele. Aliás, é ele quem faz a captação dos movimentos da língua do usuário, a partir da incidência da luz no órgão. Na tentativa de deixá-lo mais preciso, alguns testes têm sido feitos com outras cores de laser.

Como se vê no vídeo de Krasnow, é bem difícil operar sistemas operacionais com o mouse. O próprio criador limita as funcionalidades do aparelho a ligar e desligar botões, trocar interfaces e utilizar menus em carrossel. Além da dificuldade de movimentar a língua suficientemente bem, vê-se no vídeo como seria horrível jogar algo tipo um FPS com esse controle.

Mas por que o “Tongue Mouse” é legal?

Imagine que, como grande parcela dos habitantes desse planeta, você tenha nascido com alguma doença congênita ou mesmo sofrido algum tipo de acidente que tenha resultado em uma amputação. Bom, caso você não tenha perdido também a língua, agora já deve ter entendido por que a ideia não deve ser ignorada.

Essa não foi a primeira ideia brilhante de Krasnow. O engenheiro maluco da Valve também tem um novo conceito de controle controlado por, bem, glúteos (mas este se volta para os jogos). Por meio de um sensor do tipo encontrado na plataforma do Wii Fit, o controle capta a postura e a pressão exercida pelo usuário, movimentando o personagem in-game de acordo com o jogador. Assista a demonstração:

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Éric Silva
CS controlado por glúteos? o que o cara tem q fazer pra atirar? peidar?
Rafael Barros
Exatamente... Não é útil pra você, mas para milhares de pessoas que sonham em utilizar um computador, mas não podem por dificuldades motoras ou deficiências, será um mundo novo se abrindo !
Renan Cabral Rodrigues
Leandro Lima Linda resposta!!
Leandro Lima
Se isso habilitar gente que está paralisada a usar um computador já será um grande avanço. Nem tudo precisa ser pras massas.
Marcvs Antonivs
Eco!! Que coisa mais nojenta...
Edson Ruivo
Made in Brasil http://www.youtube.com/watch?v=2-einIBSDeg Publicado em 22/10/2013 Touch for Google Glass , Pc, Celular , notebook e etc
Thiago Carvalho Petrolini
não vejo necessidade, fora a contaminação por bactérias que pode ocorrer.
Hendrix V Cioch
não vejo nada de util usar isso, alem de que não vai poder conversar via skype se tiver jogando, ou até mesmo, pra que usar isso ??? so será util para quem tiver alguma dificiencia motora, deficiente motor.
Bruno Kitagawa
Cara, que ideia massa! Torço pra que isso emplaque e seja acessível para quem precisa.
Diego F. Duarte
Será então a Valve o Google do mundo dos games? (Se formos notar, ela tá seguindo um caminho similar ao Google)
Luiz Ricardo Silveira
O canal desse cara é simplesmente SENSACIONAL.
Luciano Carvalho
É um gênio... ;)