Início / Arquivos / Aplicativos e Software /

Busca do Google no Android agora pode mostrar informações em apps instalados no aparelho

Emerson Alecrim

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

O Google afirma que a sua missão é “organizar as informações do mundo e torná-las mundialmente acessíveis e úteis”. Se é com base neste lema que a empresa decidiu incluir dados existentes em aplicativos nas suas páginas de resultados, não se sabe, mas este é justamente o recurso que acaba de ser implementado na mais recente versão do buscador para Android.

Como a nova função, em vez de determinados resultados direcionarem apenas para páginas da web, o usuário terá a opção de acessar a informação diretamente em um aplicativo que a fornece ou a trata melhor.

Pode haver interesses comerciais ocultos aqui, mas a ideia não deixa de fazer sentido: muitas vezes, o que faz diferença não é, necessariamente, o acesso à informação, mas o modo como esta é aproveitada.

O próprio Google dá um exemplo: se você estiver procurando por detalhes sobre um filme estrelado por certo ator, pode ser muito mais vantajoso visualizar as informações desejadas dentro do app do IMDb, já que este serviço é especializado no assunto e, portanto, pode fornecer dados mais completos e organizados.

app_indexing

Caso o aplicativo indicado não esteja instalado em seu dispositivo, o buscador exibirá um botão para que você possa obtê-lo a partir do Google Play, caso deseje. Assim, a ideia também te proporciona a possibilidade de descobrir ferramentas úteis.

O problema é que, pelo menos no estágio inicial, a quantidade de apps que se integram às buscas é muito pequena: AllTrails, Allthecooks, Beautylish, Etsy, Expedia, Flixster, Healthtap, Moviefone, Newegg, OpenTable, Trulia, Wikipedia, o já mencionado IMDb e só.

A maioria destes serviços sequer é conhecida no Brasil, mas há uma explicação: por ora, a busca integrada com apps funciona apenas no idioma inglês. Embora sem especificar prazos, o Google promete levar a ideia ao maior número possível de línguas e, com isso, aplicativos populares em determinados países deverão ser incluídos.

A busca integrada com apps está disponível a partir da atualização do Google Search liberada no último dia 3 e nas pesquisas feitas no Chrome para Android. Se você é desenvolvedor e acha que vale a pena compatibilizar seu aplicativo, pode começar por aqui.