Início » Arquivos » Celular » Primeiras unidades do Jolla, smartphone com Sailfish OS, começam a ser entregues e rodam apps para Android

Primeiras unidades do Jolla, smartphone com Sailfish OS, começam a ser entregues e rodam apps para Android

Emerson Alecrim Por

Cerca de seis meses atrás, a Jolla, aquela empresa criada por ex-colaboradores da Nokia para dar sequência aos trabalhos iniciados com o finado MeeGo, prometeu colocar seu primeiro smartphone no mercado ainda em 2013 e assim o fez: o dispositivo, que leva o mesmo nome da empresa, começou a ser entregue hoje para consumidores da Finlândia que o adquiriram em pré-venda.

jolla-1

Além deste verde, o Jolla chega em outras oito cores

O controle quase total do segmento de smartphones pela Apple e pelo Google, assim como a chegada de plataformas como Firefox OS e Tizen, parece não assustar os idealizadores da Jolla. A empresa acredita que as propostas de seu sistema operacional, o Sailfish OS, farão a diferença na disputa de mercado.

A plataforma chama mesmo a atenção: tem raízes no MeeGo (cuja performance era costumeiramente elogiada), conta com um padrão visual agradável e possui uma interface baseada em gestos, dispensando botões físicos ou mesmo virtuais – para abrir o menu de programas, por exemplo, basta deslizar a tela inicial para cima.

Este vídeo mostra o sistema em ação:

Como o “calcanhar de Aquiles” de toda plataforma nova é a quantidade modesta de aplicativos, a Jolla buscou uma alternativa interessante: o Sailfish OS é capaz de executar uma quantidade razoável de apps para Android – 85 mil nesta fase inicial, para ser um pouco mais preciso.

As especificações de hardware do Jolla não impressionam para os padrões atuais, mas são, provavelmente, suficientes para rodar bem o Sailfish OS: tela IPS de 4,5 polegadas com 960×540 pixels e Gorilla Glass 2, processador dual-core de 1,4 GHz da Qualcomm, 1 GB de RAM, 16 GB de armazenamento expansível com microSD, câmera traseira de 8 megapixels com LED, câmera frontal de 2 megapixels e bateria de 2.100 mAh, tudo isso em um dispositivo com espessura de 9,9 mm e 141 gramas de peso.

Na conectividade, há Wi-Fi 802.11n, Bluetooth 4.0, GPS, porta Micro USB 2.0, além de 3G e 4G. É possível adicionar suporte a NFC por meio de uma capa traseira especial, a Other Half, que também pode alterar parâmetros do sistema operacional. A ideia é que, futuramente, o usuário possa fazer o aparelho entrar em um modo de funcionamento profissional, por exemplo, simplesmente colocando a capa apropriada.

A capa Other Half

A capa Other Half

Se você está entre os consumidores fora da Finlândia que compraram o Jolla em pré-venda no site oficial, não precisará esperar muito mais para tê-lo em mãos: a empresa assegura que estas unidades serão enviadas até o final de 2013.

Os demais interessados devem aguardar um pouco mais, uma vez que a Jolla prometeu iniciar as vendas online do aparelho assim que todas as unidades encomendadas tiverem sido entregues. Com sorte, a espera não passará do primeiro trimestre de 2014.

Na Europa, o dispositivo custa 399 euros, o equivalente a pouco mais de 1.250 reais.

Com informações: Digital Trends

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

José Rodrigo
yuytyttytk
Fer
Mas eles já disseram que vão fazer isso... Só espero que não tenham mudado de ideia!
isnotcontrol
Poxa, pareceu bem bacana pelo vídeo. E a questão das capas e do potencial que elas trazem é enorme. Me agradou bastante, até mesmo aquele LED que nunca para de piscar, heheheh Se viesse para o Brasil, com certeza seria algo a se considerar.
portela.thiago
Liberar a ROM do Sailfish para adequar em outros aparelhos seria uma ótima idéia...
Bruno Casado
Gostei.... sinceramente.....
Max Giudice
A interface do Sailfish OS é simples, prática e bonita...gosto muito desse novo OS, por ele ser baseado no Meego, que era um OS muito legal !
Erick França Ribeiro
Nossa que vontade de bater no Fdp que jogou a bolacha no café daquele jeito. Desperdiçando café. não pera..
arthurrlm
Agora só falta liberar OS pro N9 :D
Eduardo Bertazzo
Tomara que, assim como Ubuntu Touch, esse sistema seja futuramente disponibilizado para utilização extra-oficial através de instalação caseira, em outros celulares com Android, seria muito legal testar novos sistemas sem precisar comprar novos celulares.
Jhonnathan Lopes
esse aparelho eu quero
Edmilson Junior
Era um ótimo aparelho até ver o preço.
Joao Paulo
Parece ser bom , mas ta caro pra caralho !
Lucas Elias
Parece muito bom! Explorar os gestos ao invés de poluir a interface com mil botões é genial!!! Além de tudo essa compatibilidade com aplicativos android é uma jogada de mestre! torço pra dar certo e que futuramente chegue no Brasil :D
Fer
Ai, como eu quero o Sailfish OS... Nem curto muito o Jolla, porque é grande demais, só acho que é sonhar demais que alguém porte o Sailfish pro RAZR M... Combinar meu aparelho preferido com o sistema que eu quero!
Uildes Nogueira
a falta de botoes físicos pra mim, é um problema. se nao tem nem botoes na tela....
Exibir mais comentários