Início » Arquivos » Jogos » BGS 2013: Rixty traz clube de beta testers e quiosque de pagamentos ao Brasil

BGS 2013: Rixty traz clube de beta testers e quiosque de pagamentos ao Brasil

Com o quiosque, é possível comprar itens para jogos e pagar até com o troco da cantina

Por

A Rixty, empresa focada em oferecer soluções de pagamentos em jogos para quem não tem cartão de crédito ou conta em banco, aproveitou a BGS para lançar no Brasil seu clube de beta testers. Com ele, um grupo selecionado pode ter acesso às versões beta de jogos dos parceiros da empresa sem precisar participar de concursos ou implorar para os desenvolvedores nas redes sociais – e, considerando que a Rixty tem mais de 200 parceiros (entre eles, Gameforge, Wargaming e Blizzard), isso é bem interessante.

Para fazer parte desse clube, basta se inscrever no site gratuitamente. As primeiras keys serão sorteadas entre os cadastrados e, depois, começarão a ser enviadas aos testers que se destacarem na contribuição para a versão final do jogo. Ou seja, quanto mais o jogador se dedicar na atividade de beta tester, mais jogos receberá em primeira mão.

Entre os primeiros betas a estarem disponíveis para os brasileiros, estão WarRock (dos mesmos criadores de Crossfire, o free-to-play com mais jogadores do Brasil), Phantom Army, que será lançado em janeiro, e Stallion Race, que será totalmente localizado em português. Também é possível que haja itens especiais para os beta testers dentro dos jogos.

Desde sexta-feira, que foi quando o clube de beta testers foi lançado, mais de 7 mil pessoas se cadastraram, sendo 4 mil delas só na BGS. Caso você vá para a feira ainda hoje ou amanhã, que é o último dia, pode aproveitar para fazer seu cadastro lá e ganhar um vale de 5 reais para fazer compras in-game em um jogo de parceiros da Rixty e um item especial de Crossfire. Se não der, dá para se inscrever pelo site, mesmo.

rixty totem

Outra novidade que a Rixty apresenta na feira é o quiosque de pagamentos, fruto de uma parceria com a Qiwi, que já está em alguns shoppings na região sudeste e, até o fim do ano, deve ter mil unidades instaladas pelo Brasil.

A partir dele, é possível comprar itens para os jogos utilizando notas e moedas, o que é particularmente atraente para quem precisa juntar o troco do lanche da escola para investir nos jogos (todos já passamos por isso). Além do quiosque, a empresa trabalha no Brasil com pagamentos em dinheiro, transferência e débito online, boleto e cartão de crédito.