Início / Arquivos / Legislação /

Usuários usam fotos de Eric Schmidt no Google+ para protestar contra os novos termos de uso do Google

Emerson Alecrim

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

Era de se esperar que protestos contra os novos termos de uso do Google (ToS, na sigla em inglês) anunciados na semana passada não demorassem a aparecer. A surpresa é que alguns usuários encontraram uma forma “engraçadinha” de fazer isso: trocaram a imagem de seu perfil no Google+ por uma foto de Eric Schmidt, o chairman da companhia.

Os novos termos dão permissão ao Google de utilizar nome, foto e algum comentário do usuário em anúncios a serem exibidos somente para os seus contatos. A ideia é fazer com que estas informações sejam usadas para aumentar o interesse pelos anúncios: um banner tende a se tornar mais interessante para uma pessoa se o produto anunciado contiver a avaliação de um conhecido.

Exemplo de anúncios com dados de usuários

Exemplo de anúncios com dados de usuários

A intenção do protesto é quebrar, mais de maneira provocativa do que prática, a eficiência desta ideia: em vez de visualizar a foto de um amigo em um anúncio que tira proveito desta funcionalidade, a pessoa verá a cara de Eric Schmidt. Dá para encontrar a maioria dos perfis que aderiram ao protesto procurando pela tag #EricSchmidt no Google+.

Protestos contra o novo ToS no Google+

Protestos contra o novo ToS no Google+

Apesar do teor sarcástico dos protestos ou da possibilidade destes, na verdade, chamarem atenção para o tratamento que o Google dá para questões de privacidade como um todo, é importante ressaltar que os usuários não são obrigados a concordar com os novos termos.

Quem quiser garantir que suas informações não sejam usadas em anúncios deve acessar esta página do Google+, desmarcar a opção “Com base em minhas atividades, o Google poderá exibir meu nome e minha foto de perfil em recomendações compartilhadas em anúncios” e clicar em “Salvar”.

Com informações: CNET