Início / Arquivos / Celular /

Em busca do aparelho perfeito

Thiago Mobilon

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

Olá! Comecei com um Rokr E1, depois fui para o N90, depois Black Safira, depois o N80, e atualmente tenho um QTEK 9100. Como você pode perceber, já passei por vários hardwares e plataformas. A conclusão que cheguei foi: com o QTEK, mesmo com wi-fi e o teclado QWERTY, eu raramente utilizei as funções de e-mail, word e excel, pois tenho um notebook.

Nos meus prós e contras, as funções multimídia são essenciais, como mp3 player bom, câmera boa e também um bluetooth a2dp.

Recentemente, comecei a querer trocar o meu aparelho. Quero ir para um próximo level. A experiência que tive com os Nokias foi muito boa, mas acho que vou sentir falta da tela touch.

A minha dúvida reside entre N95, N81, Viewty (ele é tão ruim assim?), ou ainda o Tytn II. O que você acha? Concordamos que achar o aparelho ideal é dificil, mas qual o seu parecer?
Andreas Schin

Andreas, pelo que vejo, você já tem uma boa experiência com celulares. Você diz que quer ir para um próximo level, mas nos quesitos multimídias da coisa, é isso?

Considerando que você usa um aparelho com Windows Mobile, vai estranhar bastante se regredir para um celular multimídia. Principalmente porquê PDA-Phone com câmera boa, é algo que ainda não existe no mercado brasileiro.

Se achar um PDA-Phone com câmera boa é um problema, já com MP3 é o contrário. A partir do momento que estes rodam sistemas operacionais, você pode usar o software que preferir. Além do mais, é difícil um aparelho desses que não possua um fone de ouvido decente.

Assim, a briga aqui será entre duas categorias: PDA Phones ou telefones multimídias?

Se optar pela primeira opção, um HTC TyTn II, ou mesmo o quase-batidinho Touch já são uma grande evolução do seu Tijo-Phone A9100. Ambos vem com Windows Mobile 6.0, e a interface TouchFlo da HTC. Uma boa evolução, não?

Como ainda estou a espera de um aparelho mais completo, a minha opinião é: vá de HTC Touch. Ele vence no quesito custo x benefício, e por ser mais barato, o seu arrependimento vai ser menor quando lançarem um aparelho melhor daqui um mês.

A intenção é que ele funcione como um (excelente) quebra galho, até que o tão esperado (mega-phoda-master) aparelho seja finalmente apresentado. Você só corre o risco de estranhar a falta de um teclado físico, já que o seu Qtek A9100 o possui.

Já se você tiver certeza que um celular multimídia irá suprir sua carência tecnológica, mesmo depois de ter usado um PDA-Phone, as suas opções são muitas! N95 é o preferido da maioria, e não é por menos. Ele possui a câmera de 5mp que você almeja, e de quebra, roda um (semi) sistema operacional.

Logo, se for para pegar um N95 só pela câmera e funções multimídias, é melhor pegar o K850i da Sony Ericsson. A principal diferença entre os dois é o sistema operacional, e a resolução de vídeo máxima: 640x480px no N95, contra 320x240px do K850i.

Para compensar este ponto negativo, o Sony Ericsson possui a vantagem de ter um acelerômetro, que rotaciona a foto na tela automaticamente, de acordo com a posição do celular. Ele também possui 2 flashes, sendo um led que se acende continuamente para filmagens, e um xenon para fotografias.

Enfim, espero não ter lhe deixado com mais dúvidas ainda. A minha intenção aqui, é fazer com que você compre um aparelho muito bom, mas de nível intermediário. Deste jeito você continua com uma tecnologia top de linha, e guarda uns trocados para investir no aparelho perfeito que todos estamos esperando.

Espero que meus leitores também indiquem os modelos que acharem mais interessantes.

Imagem via: Area 95