E quando nem mesmo a Nokia se sente segura em sua parceria com a Microsoft? Em comunicado oficial a seus acionistas, a finlandesa sugeriu que, além de outros fabricantes, a Microsoft deveria ser encarada também como uma provável concorrente. “Nós deveremos nos preparar para um aumento na concorrência com outros fabricantes, incluindo Microsoft, que já produziu e talvez venha a produzir dispositivos com Windows Phone”, diz a nota.

Não é a primeira vez que surge uma insinuação de que a Microsoft poderia partir para uma “produção independente”. No fim do ano passado, o Wall Street Journal afirmou que a Microsoft estaria estudando acordos com empresas de hardware para desenvolver seu próprio smartphone com Windows Phone 8. Mas esta é a primeira vez que a desconfiança parte da própria Nokia, e de forma tão oficial.

Mockup de um possível Surface Phone da Microsoft

Mockup de um possível Surface Phone da Microsoft

Ainda na nota, a Nokia fala sobre os riscos de ter se unido à Microsoft sem um plano de contingência. “Ao escolher adotar o Windows Phone como nossa plataforma principal, nós podemos ter omitido alternativas mais competitivas para alcançar aceitação maior e mais rápida no mercado de smartphones. Se os benefícios da parceria com a Microsoft não se materializarem como esperamos, alternativas mais competitivas talvez não fiquem disponiveis para nós em tempo hábil, isto se elas surgirem”. O mais assustador é que o comunicado está certo.

Nokia e Microsoft se uniram em fevereiro de 2011, num acordo de parceria onde a Nokia trabalharia com o Windows Phone em seus principais aparelhos, inclusive com a possibilidade de incluir serviços próprios, como o Nokia Music e o serviço de mapas. Em troca, a Microsoft daria exclusividade no lançamento de aplicativos e pagaria um valor anual (fala-se em 1 bilhão de dólares). O acordo, desde seu início, foi duramente questionado se seria benéfico à Nokia. Se a Nokia não selou um acordo de que a Microsoft não poderia desenvolver um produto concorrente, estamos à beira de ver uma reviravolta catastrófica para a fabricante finlandesa.

Já dizia Vito Corleone que devemos manter os amigos por perto e os inimigos mais perto ainda. E a Nokia está provando que isto pode ser muito prejudicial quando não se está preparado.

Com informações: Business Insider.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Marcos Vinicius Albuquerque
Microsoft Phone?
Thiago Carvalho Petrolini
Não é rumor. Já existe Vertu com Android.
ceealk
O futuro imita o passado: Cada empresa com o seu próprio S.O
Samuel Nascimento Siguinolfi
A Nokia tá ficando expert em dar tiro no pé. Windows Phone pode ser lindo, fluido, a oitava maravilha do mundo, mas até hoje nunca vi 1 na minha frente. Creio que a Nokia com Android ou até com o futuro Ubuntu Touch seria mais competitiva. Bateria de frente com a Samsung fácil.
Thanara Corrêa
Se custar em torno e um xbox e meio, ai até acredito na Microsoft.
Yago G. Oliveira
Li alguns rumores, faz um bom tempo, dizia a Vertu iria fazer um telefone com Android.
Eduardo Ferreira
Se fizerem, vão estar praticamente enterrando a Nokia de vez, seria uma pena e acredito que a Microsoft não tenha muito a contribuir no mercado de smartphones. Nada que a Nokia não possa/não esteja fazendo.
fac_713198649
A Nokia não tem mais recursos para recomeçar do zero com o Android. Agora é WP ou caixão e vela preta. Também duvido que a Microsoft deixe de comprar a Nokia, pois ela tem muitas patentes e muito know how.
Luandersonn
Nessa altura do campeonato, seria suicidio da Nokia mudar.
Guilherme Macedo C.
"O negócio é ganhar dinheiro com o negócio" ficou muito feio :P
Tiago Gabriel
A história já mostrou pra outros que aliar-se com a MS pode ser altamente prejudicial.
Guilherme Macedo C.
O negócio é ganhar dinheiro com o negócio e não ficar recebendo dinheiro de terceiros.
Pedro
Acho que a Nokia poderia trabalhar com ambos os sistemas, Android e Windows Phone. Só não sei se a Microsoft continuaria pagando o belíssimo cheque de US$ 1 bilhão caso isso ocorra, e o Google jamais faria uma proposta tão boa quanto essa pra Nokia. E sobre a Nokia manter os dois sistemas, acredito que seria ideal. Iria satisfazer os clientes que preferem e o robô e os outros como eu, que preferem um sistema mais fluído, como o WP.
David M.
Acho que ela não desistiria do S40 nos Asha já que Android em aparelho de baixo custo é uma bosta
Marco Queiroz
O que a empresa precisa é se desapegar de SO. Sem exclusidade de Windows Phone ou Android. Faça para ambos!
Exibir mais comentários