CaixaSnowLeopard2 Como havíamos noticiado aqui no Tecnoblog, hoje é o dia do lançamento oficial do Snow Leopard. Isso nos Estados Unidos, claro. Enquanto aguardamos a chegada do sistema aqui no Brasil, na terra do Tio Sam os usuários de Mac já estão tirando proveito das vantagens do novo sistema. Seguem algumas novidades que se destacam:

  • É hoje o único sistema operacional com suporte nativo ao Microsoft Exchange, o que, ironicamente, nem o Windows possui;
  • O sistema de gerenciamento de janelas Exposé foi remodelado para tornar mais fácil lidar com múltiplas janelas de um mesmo programa, integrando-se aos ícones da Dock;
  • Os Stacks (Pilhas), que agrupam arquivos na Dock, agora são plenamente navegáveis. É possível fazer scrolling e entrar em pastas diretamente de dentro de um Stack;
  • O Finder foi totalmente re-escrito em Cocoa, o framework de desenvolvimento nativo do OS X. Até o Leopard ele trazia código remanescente do Mac OS clássico. Com a nova implementação o navegador de arquivos está bem mais rápido e estável;
  • Pleno suporte a aplicativos em 64-bit e otimização da utilização de CPUs com múltiplos núcleos.

Essas são algumas das principais, mas diversas outras melhoras são trazidas pelo novo sistema, como o QuickTime X e o Smart Eject. Esse último se enquadra na categoria “como ninguém pensou nisso antes” e consiste em, quando um programa estiver usando um hardware externo e o impedindo de ser ejetado, o usuário recebe uma notificação dizendo não apenas que o dispositivo não pode ser ejetado por estar sendo usado por um programa, mas também qual programa o está utilizando.

Se você tem um Mac e ficou interessado, basta esperar até algum dia de setembro (provavelmente dia 21).

Comentários

Envie uma pergunta