Início » Arquivos » Celular » Twitter libera GIFs animados na sua timeline (ou quase isso)

Twitter libera GIFs animados na sua timeline (ou quase isso)

Vine faz vídeos de 6 segundos e está disponível gratuitamente no iPhone

Avatar Por

Twitter Inc., empresa responsável pela rede social de mesmo nome, acaba de anunciar a disponibilidade de um aplicativo com uma promessa bastante curiosa. O Vine vai colocar uma série de vídeos na sua linha do tempo com certa facilidade. Mais ou menos como se fossem GIFs animados, porém numa pegada pós-moderna (qualquer besteira assim dá para chamar de pós-moderno).

Funciona da seguinte maneira: o indivíduo acessa a loja de aplicativos do iPhone (mais conhecida como App Store) e baixa o software Vine gratuitamente para o celular. A partir deste momento, está apto a gravar vídeos que serão publicados na plataforma do Vine. Porém, o pulo do gato fica por conta da prévia do vídeo que aparecerá de maneira privilegiada na timeline – essa situação ainda não está valendo, por algum motivo que desconheço.

Vine em funcionamto

Vine em funcionamto

Digo que o Vine se assemelha a GIFs animados porque os conteúdos ficam limitados a no máximo 6 segundos de duração. Nada mais do que isso. Dá para gravar vídeos bastante reduzidos. Ao menos nas páginas do Vine os conteúdos ficam em loop infinito. Ainda dá para ativar ou não o áudio, a fim de ouvir o que era dito naquele momento em particular.

A empresa Vine informa que os vídeos publicados por lá devem ser breves. Eis a explicação poética da coisa: “são pequenas formas de algo maior. Eles são janelas para dentro de pessoas, configurações, ideias e objetos que fazem parte da nossa vida”.

Dito isto, vamos para a parte visual da coisa. Não sou exatamente um expert em interfaces gráficas (talvez o Marcel pudesse me ajudar nisto), mas as páginas do Vine lembram muito as páginas do Instagram (comprado pelo Facebook Inc. no ano passado). Aparece o conteúdo numa caixa à esquerda e os comentários e “curtidas” à direita. Praticamente a mesma fórmula – para não dizer que foi copiado na cara de pau mesmo; neste caso, não saberia dizer qual deles, Vine ou Instagram, foi o precursor do formato).

Não é necessário ter uma conta no Twitter para usar o Vine. Tanto melhor se tiver, claro. Apesar de estar somente no iOS, outras plataformas serão adicionadas em breve à lista de sistemas suportados pelo Vine. A informação foi repassada pelo Next Web.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Thanara Corrêa
E mais spam chegam ao twitter. :/
Max Denvir
Scrap fofo via Twitte. Sdds Orkut.
Fábio Dayrell
Simplesmente fantástica a idéia. :)
RamonGonz
Tenho ate medo do que vai virar isso... Espero que tenha uma opção pra ocultar