Segundo fontes ligadas ao Wall Street Journal e à Kara Swisher do blog BoomTown, um acordo entre a gigante de software de Redmond e o Yahoo! foi finalmente fechado. Ao contrário do que previsto anteriormente, a empresa maior não comprou a menor e nem houve um pagamento enorme de bilhões de dólares de uma pra outra.

O que ficou acordado entre elas é que a venda de anúncios contextuais nas páginas dos resultados de buscas será administrada pelo Yahoo! usando as tecnologias de vendas do Microsoft AdCenter. Já as pesquisas propriamente ditas nos sites de ambas as empresas usarão o Bing, novo mecanismo de busca da Microsoft. Ainda não se sabe se a mudança virá acompanhada ou não de uma logomarca “powered by Bing” nos sites do Yahoo!.

Ambas as empresas estão preocupadas com a aprovação do acordo por parte da legislação anti-monopólio americana, mas como o Google possui uma enorme fatia do mercado de buscas (mais de 65%), fica difícil dizer que essa união atrapalharia a concorrência.

O acordo até agora ainda está em ponto de pura especulação e é baseado principalmente em fontes individuais de certos blogueiros e jornalistas da área financeira, já que nenhum dos porta-vozes das empresas confirmaram os rumores. Esse post será atualizado com maiores informações ao longo do dia, seja o acordo confirmado ou não.

Microsoft e Yahoo juntos?

Microsoft e Yahoo juntos?

[Atualização às 9:10] Segundo um press release liberado pelas empresas, o acordo foi fechado. Além de confirmar os detalhes acima, também foi revelado que a parceria será de 10 anos. Junto com o press release, foi revelado um site que detalha ainda mais quais são os objetivos desse acordo: Choice. Value. Innovation. Uma conferência sobre a parceria está agendado para acontecer hoje com os CEOs de ambas as empresas neste link às 09:30 (horário de brasília).

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Fernando S S
Espero que de certo...