Um dos rumores apontados nessa quarta-feira pelo site The Next Web diz respeito à Microsoft e uma possível aquisição da empresa Rdio, responsável pelo serviço de mesmo que dá acesso a uma penca de canções via streaming desde pague mensalmente por isso. No Brasil o serviço ganhou o nome de Oi Rdio, num óbvio acordo de naming rights com a operadora brasileira.

De acordo com o site, ouvem-se boatos sobre a possível compra do Rdio. Isso é tudo o que se sabe até o presente momento. Seguindo a boa cartilha de relações pública, tanto Rdio como a giganta Microsoft se recusam a comentar sobre os rumores.

Oi Rdio

O que a Microsoft ganharia com um serviço de música que coloca tanto streaming como download de canções (em dispositivos móveis) nas mãos do usuário? Ora, oportunidade perfeita para qualificar a experiência de quem usa o Xbox. O console aos poucos vem se tornando uma verdadeira central de mídia com acesso a vídeos do YouTube e compra de conteúdos, além da polêmica inserção de espaços publicitários.

Também vale falar do Windows 8, próxima versão do sistema operacional que chega às lojas em 26 de outubro, tem uma pegada muito mais focada no consumidor do que em outros tempos. A Windows Store funciona como mercado de aplicativos que vem de fábrica no Windows. Muito mais fácil de usar. Fazer pesquisa no Google/Bing e baixar o aplicativo diretamente do site do fabricante continua como opção, mas para que se dar ao trabalho?

Ainda no campo dos rumores temos informações de que a companhia pretende lançar o substituto do serviço de assinaturas do Zune: o Xbox Music. Não duvido que o Xbox Music chegue também ao Windows Phone 8.

Por sua vez, o (Oi) Rdio conta com 18 milhões de canções cadastradas. Nem todas ficam acessíveis aos internautas brasileiros.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Thiago Sacramento
será que vai ser uma boa ou só vai microsoftizar u bom serviço da Rdio rs
Lucas Herrera
Pelo menos aqui no Brasil ele não vende música, acho que nos EUA também não. É só o serviço de streaming e que você tem a opção de ouvir as músicas offline dentro do aplicativo dele.
RamonGonz
(to falando sobre as gravadoras que tem contrato com a RDIO e não com a MS, que obviamente já vende musicas nos EUA)
RamonGonz
Já ouvi falar mas não sei nada a respeito... As musicas no RDIO tem algum tipo de DRM? Será que a MS não estaria interessada mais nos contratos que o RDIO já possui com gravadoras e não precisar ela mesma negociar? Imagino que as gravadoras (teoricamente) cobrariam bem mais de uma Microsoft...
RamonGonz
thumbs up
@leossoliveira
Calma a gente ainda nem conhece o Xbox Music, com certeza vai ser o Zune bem melhorado.
Guilherme
Putz, tomara que não seja concretizado. Não gostaria que outro serviço que eu uso (e pago) vá para a Microsoft: vide as "melhorias" no Skype ? anúncios, qualidade das ligações e do software piorando, suporte porco ao OS X… Também não consigo pensar em alguma compra recente de empresas pela Microsoft que tenha sido bem sucedida: Danger (deu no Kin), aQuantive (primeiro prejuízo)… A última que me veio à cabeça foi a do Hotmail, no longínquo 1997.
Luiz Alberto
A Única vantagem do antigo modelo do zune eram as 10 músicas grátis por mês. O resto vai continuar com o Xbox Music. Só não sei como vai ficar a parte social. E ainda agora há rumores de que o Xbox Music vai ter Streaming grátis de músicas mantido por propagandas entres algumas faixas, assim como faz o Spotify. :)
Rony Deolindo
Tomara que compre .. ótimo catálogo para começar o Xbox Music aqui no Brasil
Everton Favretto
Em breve: Oi Xbox Music :P
Alberth Andrade Silva
Uma pena que o Zune será descontinuado e trocado pelo Xbox Music. Eu preferia mil vezes o Zune. (Minha opinião OK "Haters"?!)