telefonica Ontem (8) o presidente da Telefônica, Antonio Carlos Valente, falou à imprensa sobre os desafios que enfrentou em 2009 e as perspectivas para 2010. Os investimentos da empresa no país para 2010 devem ficar na faixa dos 2 bilhões de reais.

Valente evitou falar dos valores investidos em 2009 mas deu a dica que ficará entre 2 e 2,4 bilhões de reais, um pouco abaixo do previsto. No final do terceiro trimestre a empresa espanhola havia investido um total de R$ 1,4 bilhão no país.

O foco para 2010 será a banda larga. Faz sentido já que no ano de 2009 a Telefônica foi impedida de vender seu serviço Speedy por alguns meses devido a problemas sérios enfrentados pelo sistema. Este blogueiro que aqui escreve esteve na sede da Telefônica recentemente e notou a preocupação da empresa com os problemas no Speedy. Algumas áreas foram reestruturadas, fizeram um gráfico gigantesco prevendo todas as possíveis falhas no serviço e assim vai.

A Telefônica aproveitou pra divulgar que o número de reclamações contra a empresa no Procon e na Anatel diminuíram. Segundo eles a queda foi de 77% no Procon SP e 58% na Anatel comparando-se o mês de novembro com março. Outro número que aponta para essa melhoria no serviço é a queda de 6,7 milhões de chamadas à central de atendimento da Telefónica em fevereiro para 3,2 milhões em novembro.

Agora é aguardar para ver se todo esse investimento e todas essas informações divulgadas realmente reflitam em melhores serviços para a população. [Abril / G1 ]

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Francklin
Pois eu digo que é pouco.[2] Sem dúvidas é pouco, e essas empresas estão com medo da GVT que está superando expectativas!
João Brunelli Moreno
Pois eu digo que é pouco.