Alguns sites de notícias vêm apontando desde o início dessa semana para o fim, no site da Apple nos Estados Unidos e outros mercados, das páginas específicas que mostram a conformidade dos notebooks da Apple com a EPEAT. Hoje a Apple veio a público para explicar que adota medidas para criar produtos “verde” e que segue as diretrizes do padrão Energy Star 5.2, determinado pelo governo dos EUA.

Essa situação é curiosa porque, se bem me lembro, em vários keynotes o finado Steve Jobs fazia questão de mostrar os atributos “verdes” dos produtos da Apple e ainda mostrava o selo do EPEAT. Afinal, era uma instituição importante que servia para mostrar que os Macs estavam de acordo com as melhores práticas em termos ambientais. Na última troca de linha, porém, ficou decidido que o EPEAT não mais serviria para este fim.

O site do EPEAT diz que os produtos certificados pela organização passam por processo de fabricação com menos toxinas (“como o mercúrio”) e são fáceis de reciclar. Há que afirme que o abandono do EPEAT por parte de Cupertino tem a ver com os novos MacBooks, construídos em uma peça de alumínio, com os componentes eletrônicos soldados, de um jeito que torna difícil o posterior desmonte para reciclar.

Pelo menos uma das alegações da Apple para a decisão faz muito sentido. O EPEAT desconsidera a emissão de gases que contribuem para o efeito estufa na fabricação dos produtos. A organização também não fornece certificação para celulares, smartphones e tablets.

Apple verde

A Apple mantém em seu site uma seção dedicada aos atributos “verdes” dos produtos.

Aproveitando o assunto, faço a pergunta a você, caro leitor: nas suas compras você se preocupa em verificar se os produtos estão em conformidade com as boas práticas ambientais?

Com informações: The Loop.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

@daniloficial
o gráfico ficou até bonito no site da apple!
@AntonioVeras
Eu me preocupo, por isso compro produtos que durem bastante e também faço minha parte para conservá-los. Obsolescência programada é uma coisa que não engulo. Estou com um N8, que não é mais top, mas ainda conservo o meu antigo 5530. Evito assim, criar lixo eletrônico. Como meu trabalho não depende de eu ter que usar o que está na moda, ou o último lançamento, não vejo problema eu não ter o último celular lançado, ou PC.
TiagoGabriel
Ajuda um pouco não, ajuda muito! O consumismo é o principal responsável pelos problemas ambientais, pois quanto mais se consome mais tem que ser retirado da natureza.
Antonio
Nossa, que loucura isso sobre o Coltan. Nunca imaginei isso sobre os circuitos eletrônicos. O fato que é a humanidade caminha para a própria destruição #lamentável
VanHalenBR
Seria legal se existisse isso, pegam muito no pé da Apple, mas o que assusta mesmo, são aqueles fabricantes que não divulgam relatórios de trabalho e que não deixam empresas independentes executarem como a Apple faz. A mais dura realidade é que se existisse uma empresa que só produzisse na Europa e EUA onde se respeita muito os direitos trabalhistas, o produto seria caro e a empresa não iria vender, todo mundo quer produto barato, mas para isso os trabalhadores vão ter ganhar pouco.
Guilherme Macedo C.
Falam isso desde o começo da Revolução Industrial. A produção mundial não está condicionada ao desrespeito aos Direitos Humanos. As industrias para serem economicamente viáveis não precisa explorar o trabalhador, incentivar o trabalho infantil, financiar a exploração sexual e achar que homicídios em massa precisam ser relevados. Relativizar a dignidade humana em favor de grandes empresas é algo absurdo. A verdade é que as grandes empresas quando querem arrumam maneiras de baratear a produção sem cometer atrocidades às pessoas. Sempre foi assim. Há muitas décadas atrás falavam que a industria ia falir e o preço dos produtos iriam aumentar por ser proibido o trabalho infantil e a carga horária de 16 horas diárias. Falavam o mesmo, que seriam inviável, qdo se dizia que o trabalhador precisaria de condições salubres para trabalhar.
@LBKatan
Agora, na questão de aparelhos "verdes", normalmente não presto muita atenção. Como raramente compro alguma coisa, faço mais ou menos como o Vinícius comentou ali em cima, comprando algo que dure e deixando o consumismo de lado. Isso já ajuda um pouco. Além do fato de que as maiores empresas já têm um certo controle de riscos ambientais. As empresas que não tem essa preocupação normalmente são pequenas, de aparelhos que não compro, como os xingalingas. Fora isso, não tem como fugir.
Hildebrando
Acho que por mais que uma empresa tente sofistica seus produtos, sempre terá problemas em relação a isso, só resta amenizar o máximo possível que foi necessário para criação e uso daquela tecnologia.
Gabriel_Araujo
Screenshot do Microsoft Windows 7 rodando o navegador Google Chrome acessando o website da Apple
@LBKatan
Seria bom colocar umas vírgulas na primeira frase. Tive que reler umas 3 vezes lol "Alguns sites de notícias vêm apontando, desde o início dessa semana, para o fim" (pra mim, ficaria melhor assim) Eu fiquei lendo "desdo o ínicio dessa semana para o fim (dessa semana)", com o segundo "dessa semana" implícito. =P
Vinícius
idem!
Vinícius
É verdade, produzo menos lixo e ainda sim vou ter algo durável!! Com o Windows 8 agora vou ter um ganho enorme de performance, e consequentemente mais tempo com meu notebook em mãos!! tirandou outros eletrônicos que não penso em trocar tão cedo!
felipe
teoricamente se vc preocupa com durabilidade e comprar o que é necessário para tu, vc está indiretamente se preocupando com o meio ambiente .. ja q o dispositivo vai suprir suas necessidades por uns bons anos .. assim tu nao vai comprar varios dispositivos durante esses anos .. gerando menos lixo ! ;-) essa é a minha opinião .. valorizar o que é útil e necessário , pensando em quantos anos tu vai utilizar o produto, é se preocupar com o meio ambiente !
@malloy_
KKKkk
@TatoGomes
OFFTOPIC: Estou com problemas para dar Thumb Up nos comentários. Alguns nem aparece a opção (o botão fica cinza) e nos que tem a opção, o Thumb Up simplesmente não funciona. Não muda do botão para o check e também não computa.
Exibir mais comentários