Início / Arquivos / Celular /

Banco do Brasil atualiza apps para incluir sua própria rede social

Rafael Silva

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

Quando o Bradesco lançou um aplicativo para movimentação de contas pelo Facebook, confesso que achei um pouco estranho, afinal redes sociais e contas de banco não são coisas que combinam muito bem. Ontem o Banco do Brasil liberou uma atualização para seus aplicativos móveis que inclui algo nessas linhas. Mas no lugar de usar uma rede social já existente, eles implementaram a sua própria, que inclui um sistema de troca de mensagens e criação de eventos (!) entre correntistas.

App no iOS: amigos, eventos e até mensagens. É uma rede social?

Para adicionar um “relacionamento”, correntistas devem inserir a agência e conta dos seus amigos e convidá-los. A partir daí, eles podem enviar mensagens entre eles, como se o próprio aplicativo fosse um Whatsapp. E ainda é possível até colocar uma foto sua que será exibida aos contatos que aceitarem o convite. Se isso já não é bastante para chamar a novidade de rede social, o próximo parágrafo deve tirar essa dúvida.

A atualização também trouxe uma parte de criação de eventos que parece ser incrivelmente mais útil: correntistas podem criar uma festa, por exemplo, e convidar seus amigos que tenham conta no Banco do Brasil (e já foram adicionados), marcando não só a data como qual o valor que devem depositar para cobrir gastos com o evento. O valor então aparece para os convidados marcados na festa que podem, automaticamente, depositar a quantia – basta confirmar com a senha. Eles podem ainda apenas confirmar a presença e marcarem que vão depositar depois.

Dentre outras novidades do aplicativo estão uma animação inicial irritante que sempre que você abre, pausa a música, o suporte para a tela retina do iPhone e iPod Touch de quarta geração (já não era sem tempo), a gravação dos números de agência e conta para acesso mais rápido e a opção de favoritar transações.

Enquanto a utilidade do recurso de mensagens é bastante questionável, a criação de eventos é interessante. Mas como todo lançamento inicial, o aplicativo ainda tem uma série de bugs (breadcrumbs que voltam passos já efetivados) e a confusa interface ainda tem bastante espaço para melhorias.

O aplicativo é gratuito está disponível na iTunes App Store e na Play Store.

Agradeço aos leitores Leonardo Alves (@leodemelo) e Luiz Fonseca (@runeroniek) por ajudar a testar o aplicativo.