Início » Arquivos » Celular » Woz diz que Siri ficou mais burro depois que Apple comprou

Woz diz que Siri ficou mais burro depois que Apple comprou

Co-fundador da Apple defende o retorno do Wolfram Alpha.

Avatar Por

Steve Wozniak, geek mais de geek de todos os geeks, respondeu a algumas perguntas enquanto visitava um haras onde tem um cavalo chamado Woz em sua homenagem. Cheio de críticas, o Woz da Apple disse estar decepcionado com o rumo que o Siri tomou depois que o recurso foi adquirido pela Apple e implementado no iPhone 4S (futuramente no iPad 3 graças ao iOS 6). Afirmou que o Siri ficou mais burro.

“Muita gente diz Siri. Eu digo cocô.” Woz teria dito isso ao comentar sobre o recurso. Infelizmente, não temos vídeo que comprovem as informações obtidas pelo site Times Union. Pelo menos o co-fundador da Apple deu detalhes dos motivos que o fazem ter opinião tão desfavorável ao recurso, tido como um dos principais no iPhone 4S.

O Siri ficou muito dependente do Google e, devido a isso, não apresenta os melhores resultados para aquilo que o usuário diz. Woz afirma que utilizava a tecnologia antes mesmo de a Apple compra-la. Naquela época as coisas funcionavam melhor porque o assistente virtual entendia as palavras e apresentava resultados mais inteligentes.

Nosso gênio-mor pedia os números primos maiores que 87 e o Siri dava a informação. Fizemos o teste aqui na redação: o Siri pergunta se o dono do aparelho quer realizar uma pesquisa para descobrir os números primos. Mesma busca, porém formulando a frase com “Wolfram Alpha” no início: lá estão os números.

Dá zero pra ela

Algumas requisições feitas ao Siri retornam automaticamente informações do Wolfram Alpha, o mecanismo de pesquisas baseado em cálculos matemáticos e bases de dados. Perguntar quem foi o primeiro presidente dos Estados Unidos automaticamente traz George Washington com direito a todos os detalhes que o Wolfram Alpha detem. Por sua vez, a pesquisa pelos maiores lagos da Califórnia ou pelos números primos não traz nenhum resultado satisfatório.

Pelo menos Wozniak sabe que a tendência é que o Siri fique melhor conforme o tempo passa e os usuários do iOS fazem novas requisições. Essa foi uma das promessas de executivos da Apple durante a abertura da conferência WWDC, o principal evento da companhia para desenvolvedores, na segunda-feira (11).

Vamos ficar de olho nessa história. Vai que Woz, como em outras oportunidades, muda de ideia e desdiz tudo o que havia dito anteriormente. Precedentes não faltam.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Marcus
"compra-la"? Na seção de comentários já nem me supreende a falta de acentos e os problemas de ortografia, mas até no artigo principal? "Compra" se lê diferente de "comprá". Leiam sem o "-la" no final para ver que é bem diferente!
YanGM
Deve ser porque ele é o geek mais de geek de todos os geeks.
@AntonioVeras
Não era confortável, mas era sinônimo de status. O Tijorola era grande, mas muitos queriam ter um.
Moshe
Acho que quem ficou mais burro foi Woz. Não sei porque alguem acha que as opiniões dele são relevantes.
@akirakiam
Hehehe, haters gonna hate... Se funciona bem, iriam detestar a Apple por qualquer outro motivo. Se funciona mal, é a grande prova de como estão certos em suas convicções. No fim do dia, o que realmente importa, é o quanto de dinheiro entrou para os cofres. O resto é mimimi...
@yagogabriell
eheueheuehue..
caRIOca
Esse tal de Siri me lembra a atendente eletrônica da Oi, horrível!
Rennan Alves
Coisas da I.A. Acredito que com o suporte aos novos indiomas isso tende a crescer, mas fica a dúvida: será que é uma única base de conhecimento para cada indioma, ou são várias bases de conhecimento entre os indiomas que "conversam" com uma base "mãe" para trazer as respostas?
Arthur Amorim
Eu tambem não vejo utilidade hoje, mas nunca diga nunca! Meu pai falava que nunca iria usar um celular por que era muito grande, feio e inutil. E realmente, antigamente ter um celular não era nem um pouco confortavel, mas olha hoje!
Turdin
Vamos ver quanto tempo ainda dura o império até começar a abalar...
Rodrigo Fogagnolo
Só o iPhone 4S roda Siri amigo, não tem como testar no 4
Kessler
Idem. A tecnologia é legal, mas eu nunca usaria um treco desses.
@santos_jt
A julgar pelo rumo que a Apple esta tomando quanto a questão dos mapas, onde sai Google Maps e entra uma solução propria, pode ser que a assistencia do Siri siga a mesma linha, eu acredito. Digo isso pois o ponto chave das informações fornecidas é muito ligada ao base de dados que eles decidem utilizar. O uso inicialmente do WolframAlpha pode ter se dado pois alem de ser uma base consistente a Wofram e seu fundador tinham uma ligação proxima a Jobs ( http://blog.stephenwolfram.com/2011/10/steve-jobs-a-few-memories/ ) , uma vez que o primeiro e principal produto da Wolfram por anos foi o Mathematica, criado em cima do NeXTSteps, algo que o popularizou os computadores da NeXT no meio academico. Por isso, é dificil dizer se o uso do WolframAlpha por padrão irá continuar, ou se a Apple irá implementar sua base propria, a propria Wolfram fornece mecanismos para que empresas usem os mecanismos do WolframAlpha em bases proprietarias ( http://products.wolframalpha.com/enterprise/ ). A desvantagem disto é enorme número de pessoas e tempo gasto que você precisaria para montar uma base de dados suficientemente grande e consistente do zero. E na minha opinião, o sucesso do Siri vem de uma base de conhecimento (caso do WolframAlpha) e não de uma busca Web (caso do Google), uma vez que os usuários querem respostas e não opções para pesquisa.
Forbidden_404
Ainda assim, o Siri é algo estranho pra mim, assim como o S-Voice e a pesquisa por voz do Google. Podem melhorar o quanto quiser, ainda acharei estranho
victorprs
“Muita gente diz Siri. Eu digo cocô.” Woz, you are my IDOL! xD
Exibir mais comentários