Início » Arquivos » Internet » Google está de olho nos domínios .lol e .docs para internet

Google está de olho nos domínios .lol e .docs para internet

Empresa confirma tentativa de comprar o .google junto ao ICANN.

Por

O Google informou agora há pouco que participa do processo promovido pelo ICANN, o órgão máximo e transnacional para regulação de domínios na internet, para obter novos endereços terminados em palavras ou termos associados à marca. Essa é a primeira vez que o gigante das buscas detalha como pretende utilizar as novas possibilidades para criar experiências de usuário mais interessantes.

Diversos TLDs (os prefixos de sites, como .com ou .net) receberam pedido de compra enviado pelo Google. Mais óbvio de todos, o .google possivelmente vai se tornar a página para a qual a empresa direciona os internautas do mundo inteiro. Porém, esse comportamento por enquanto não passa de especulação feita pela equipe do Tecnoblog.

O Google diz que vai proteger as marcas comerciais que detém nos pedidos de propriedade de TLDs. O prefixo .youtube poderia “ampliar a facilidade com que canais e gêneros do YouTube são identificados”.

Serviços que não são exatamente marcas, mas normalmente aparecem vinculados ao Google, também entraram na disputa. A companhia solicita o .docs, clara referência à suíte de aplicativos online Google Docs (atualmente unificada com o drive virtual da empresa). Se o Google vai ganhar o registro de um prefixo tão genérico é outra discussão. A empresa está tentando e por enquanto é isso o que importa.

Domínios “interessantes ou com potencial criativo” entram no rol de pedidos da empresa. O .lol, presumidamente para sites engraçados, foi citado pela companhia num artigo publicado no blog oficial.

Esse posicionamento do Google tem importância por que a companhia coloca a nu suas intenções com os novos TLDs que em breve o ICANN vai autorizar. Diversos especialistas concordam que a mudança na estrutura da internet pode alterar profundamente a estética da internet: saem os .com e entram prefixos semânticos, por assim dizer, ou que confirmam o envolvimento da marca — uma vez que os procedimentos para conseguir um desses são vários.

Vint Cerf, um dos pais da internet, diz no artigo que o Google vai trabalhar em parceria com o ICANN para proteger as marcas registradas de corporações. Também importante pois a empresa evidencia a manutenção das boas relações com parceiros.