Início » Arquivos » Ciência » Japoneses criam conexão Wi-Fi que chega a 3 Gbps

Japoneses criam conexão Wi-Fi que chega a 3 Gbps

Paulo Higa Por

Pesquisadores do Instituto de Tecnologia de Tóquio encontraram uma maneira de transferir dados em altíssima velocidade sem a utilização de cabos. Os roteadores Wi-Fi domésticos mais rápidos atualmente utilizam o padrão 802.11ac, trabalhando na frequência de 5 GHz e alcançando velocidades nominais de até 1,3 Gbps. A nova tecnologia chega facilmente ao dobro disso e ainda tem muito potencial.

A velocidade recorde foi atingida com um protótipo minúsculo que funciona na faixa dos 542 GHz, mas pode ser ainda maior, já que os pesquisadores afirmam que a tecnologia poderia chegar a 100 Gbps com frequências maiores (até três terahertz!) e algumas melhorias. O melhor é que essas faixas ainda não são regulamentadas como as frequências de 800 MHz (3G) ou 2,4 GHz (Bluetooth e Wi-Fi), permitindo que o produto chegue ao mercado.

3 Gbps com essa coisinha minúscula aí.

Como toda tecnologia nova, ainda há sérios problemas para serem resolvidos (ou pelo menos atenuados). Como os dados são transmitidos em frequências extremamente altas, até mesmo o ar pode diminuir a velocidade da conexão drasticamente. Além disso, o alcance do dispositivo ainda não é grande; a conexão acaba caindo a partir de três metros de distância do transmissor e não atravessa objetos.

Mesmo se o alcance do novo Wi-Fi não for melhorado, ainda existirão várias aplicações úteis. Alguns dizem que a tecnologia pode ser utilizada para comunicação entre servidores dentro de um datacenter, que geralmente ficam próximos um do outro, o que acabaria com aquele monte de fios enroscados um no outro. Outros afirmam que a técnica pode ser implementada em dispositivos móveis, como tablets, já que o componente responsável pela transmissão é bem pequeno e consome pouca energia. É como um S Beam melhorado. Curtiu?

Com informações: Ars Technica.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Néli Lima
aceito ir morar lá... p vc se aprimorar na sua área, amor!
Bruno Ricardo
Diego Duarte, é para quem pode!
Lekynus Sama
não vi problema nenhum nisso, a sentença que vc se refere simplesmente diz que a frequencia usada foi de 542GHz, mas que essa tecnologia tem potencial para muito mais, já que seus desenvolvedores teriam dito que ela consegue transferir até 100Gbps.
Turdin
Uma rede dessa aqui em casa eu nem acharia ruim...
jacson
também acho válido aprimorar as tecnologias wifi, claro sempre valendo de um estudo bem complexo para não serem prejudiciais à saúde.
aline
acho legal aprimorarem o sistema que ajuda a facilitar a transmissão de dados pela rede sem fio, acabando com a "tranqueira" de cabos que ainda vemos no dia a dia.
aline
acho legal investirem nesse tipo de tecnologia, pois a transmissão de dados em rede sem fio pode ajudar a diminuir a "tranqueira"de cabos que ainda vemos no nosso dia a dia.
ricardo
É o que pensei. Ainda não há sequer um estudo conclusivo sobre as tecnologias atuais, em cerca de 2,4Ghz, e seu efeito sobre a saúde humana. E já estão utilizando frequências maiores.
Marte
Hhauahaua eles querem mesmo fritar nossas células, alguém está esquecendo que essa frequência pode trazer males a saúde das pessoas.
Raph4
Exato. A matéria ficou sim, muito superficial. E ainda há certa confusão com as faixas, o cara cita "Gbps" e "terahertz" na mesma sentença. Gigas por segundo são uma coisa, hertz é outro assunto.
Marcoscs
site de divulgação? Devo ter entrado no lugar errado, pensei que aqui fosse um blog sobre tecnologia....
@Malcomtux
Pronto! É agora que as abelhas entram em extinção! :D
Diego
Num Datacenter usam rede de fibra óptica, pra que trocar o poder/capacidade da fibra? Wi-fi ainda está longe de superar redes cabeadas.
@AntonioVeras
Já que você começou, continue.
Yuri
Esse é um site só de divulgação, se quiser ver detalhes técnicos recomendo sites como Inovação Tecnológica. O artigo que ele publicaram sobre essa notícia: http://www.inovacaotecnologica.com.br/noticias/noticia.php?artigo=wi-fi-raios-t&id=010150120518
Exibir mais comentários