Na semana passada publiquei um post sobre um rumor de que a Microsoft estaria preparando uma nova forma de comercializar o Xbox 360 através de um modelo de assinatura. Essa semana a Microsoft oficialmente confirmou o rumor ao lançar um programa piloto de assinatura do console nos EUA.

O pacote de assinatura é o mesmo que já citamos, com taxa inicial de US$ 99 e mensalidade de US$ 15. Mas a empresa também divulgou a taxa de cancelamento: US$ 250, se o serviço for encerrado nos 3 primeiros meses dos 2 anos de contrato e depois disso o valor da multa é reduzido em US$ 12 (aproximadamente R$ 24) para cada mês que o usuário assinou. Ao todo o pacote ainda continua cerca de US$ 40 dólares mais caro do que a opção de compra a vista do mesmo kit oferecido.

Imagem da oferta do novo pacote no site da Microsoft Store

A entrada da Microsoft nesse modelo inicia um processo de posicionar a marca Xbox como uma plataforma completa de entretenimento. Além de games, nos EUA é possível comprar ou alugar filmes e séries pelo serviço Xbox Live. Também está incluso no pacote de assinatura acesso a serviço de streaming de conteúdo de diversos parceiros, como HBO, ESPN, Netflix, Hulu e até mesmo pay-per-view de lutas da UFC.

Entramos em contato com a assessoria da Microsoft Brasil, mas não nos deram nenhuma informação sobre o serviço poder vir ao Brasil, só nos informaram que o pacote nos EUA está disponível como um programa piloto a venda apenas nas Microsoft Stores. Vale lembrar que as parcerias de streaming não existem no país, o que restringiria o mercado local apenas ao acesso a Xbox Live Gold e o pacote com o console — mesmo assim, já é um bom custo benefício para o consumidor.

Com informações: PCMag.