Início » Arquivos » Internet » Globo.com tira Ego Estagiário do ar

Globo.com tira Ego Estagiário do ar

Notificação cita concorrência desleal.

Avatar Por

Cerca de 20 mil visitas por dia. Não dá para negar: o site Ego Estagiário foi um sucesso de audiência para o que se propunha a fazer. No entanto, um ano depois de entrar no ar, ele desapareceu aparentemente sem dar explicações para o público que se divertia com paródias de manchetes publicadas num site de celebridades. Pois bem, o Tecnoblog apurou que o sumiço do Ego Estagiário se deve a uma notificação extrajudicial enviada pela Globo.com, portal detentor do Ego original.

Ego Estagiário

Eu conversei com o criador do Ego Estagiário sobre as circunstâncias que vieram a fechar — ao menos temporariamente — o site de humor. Guilherme Sousa, jovem de 21 anos que trabalha com marketing em Florianópolis, explicou que a notificação extrajudicial foi encaminhada pelo portal das Organizações Globo ao UOL, portal parceiro do site Vírgula, dentro do qual o Ego Estagiário existia, em 27 de abril. No mesmo dia a mensagem foi repassada para a equipe e o site saiu do ar na segunda (30/4).

A Globo.com alega que “Ego” é uma marca registrada no Instituto Nacional de Propriedade Intelectual (INPI) e que, devido a isso, não poderia ser usada por outras empresas. O portal da Globo também explicita, em documento encaminhado à equipe do site, que o Ego Estagiário estaria cometendo crime de concorrência desleal por usar uma marca que, por ser bastante semelhante à original, pode criar “confusão entre produtos ou estabelecimentos”.

Guilherme se mostra surpreso com a chegada da notificação.

— A Globo se manifestou após um ano, mesmo já sabendo da existência dessa paródia. Nunca escondemos isso. Logo, ficamos sem entender o ocorrido e por que somente agora a emissora decidiu nos impedir de continuar com o Ego Estagiário. Nunca utilizamos palavras de baixo calão e nossas manchetes eram as mais inocentes possíveis.

De acordo com o criador do site, não há intenção de brigar na justiça. Guilherme diz que a Globo.com tem razão em criticar alguns aspectos do funcionamento do Ego Estagiário. Já que o nome “Ego” é marca comercial do portal, o dono da paródia estuda a possibilidade de recriar a página com novo nome e novo layout, porém com o mesmo objetivo de antes.

Ego original

Existe toda uma polêmica em torno do que é paródia e do é que propriedade intelectual. Decerto, a Globo não registrou a marca “Ego” por acaso e pretende explora-la comercialmente.

Recentemente uma paródia que explorava erros do jornal Folha de São Paulo chamada Falha de São Paulo saiu do ar também a pedido do corpo jurídico do jornal.

A Central Globo de Comunicação nos informou que a iniciativa “teve por objetivo cessar a utilização comercial , sem autorização, de conteúdo do Ego”.

Atualizado às 19h45.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Tete Mernick
na verdade, ego mostrava a verdadeira face do ser humano,a face negra, aquela que julga condena , e crucifica, juma pessoa ogam pedra escondidinho atras de um teclado, por muitas vezes vi ali na pagina, pessoas desejando o mal a quem nunca viu na vida, chamando um bebe que nem tinha nascido de chifre,que a mãe carregava um chifre na barriga, isso me deixou triste...denunciei e mesmo assim nada foi feito, parecia que gostavam de ver a maldade humana.
Micaely Oliveira
alguém pode me explicar como mudar o nome do site ego ??
@brunossn
ahahhaha eu ri com os nomes!
@LBKatan
Muitos dias pensando pra criar a palavra "ego". Maior trabalheira. =)
@LBKatan
Bem, eles mandaram a notificação no dia 27, o site só foi fechado no dia 30. Mas quanto ao nome, é muita sacanagem mesmo. Agora você não pode usar a palavra "ego" em mais nada? O layout, a fonte usada na logo, etc, até vai. Mas a palavra? lol
@LBKatan
O caso da Falha foi de uma filhadaputagem tremenda. Os caras só queriam ferrar com todo mundo. Só não deram uma surra porque poderia dar problemas. Foi tudo motivado por ódio e não por direitos sobre marcas e talz. Desde que soube disso eu peguei uma raiva bem grande da Folha. E não contentes em encerrar o site, se não me engano, eles continuam querendo grana.
Ramon Melo
Não, eles não têm direito de fazer isso. Todo direito autoral é liberado para fins de crítica, paródia ou imprensa. A Globo não tem direito. O que ela tem são dinheiro e advogados. Direito é outra coisa.
Thiago Mobilon
Temos uma parceria de conteúdo com a Globo.com, mas nossa linha editorial é 200%(!) independente.
Carol Framboesa
Eu voto na possibilidade do criador do Ego Estagiário criar o ALTERego e continuar com o conteúdo que fazia meu fim de semana mais divertido...
@mos_axz
Acredito que não se possa registrar palavras como marca. Acho que a marca nesse caso é todo o "jeitão"(esqueci o nome bonitinho em inglês agora) do Ego e não o nome ego em si. É tanto que a Coca Cola perdeu um processo contra a Ambev pela palavra Zero.
Edmilson
Essa lei de permitir registrar palavras que fazem parte do vocabulário comum trava a criação. Imagino no futuro escrever qualquer texto cheio de TM. Este curto texto deve ter muitos! Já tenho até idéias para nomes mas deixo que ele crie oque achar melhor. vai ser bem divertido!
@mos_axz
A apple está a alguns anos tentando barrar a concorrencia na justiça. Já a globo só fez isso tentando fazer a TVS não existir. Que diferença um marketing bem feito para nicho não faz né...
Murdock
Até o logotipo do site era igual, não tinha do que reclamar, os próprios donos aceitaram. O pessoal fica nessa de reclamar pq foi a Globo mas quando uma empresa que eles amam (cof cof Apple) faz parecido acham bonito e batem palma, como o caso do ipad chinês.
Raphael
Globo. A gente MANDA em você!
Marcio Neves Machado
Haha, ia comentar a mesma coisa :D
Exibir mais comentários